spx-clinica-spx-imagem-excesso-de-acucar-afeta-a-saude-cerebral

Excesso de Açúcar Afeta a Saúde Cerebral? Entenda!

Entenda de que forma o excesso de açúcar afeta a saúde cerebral, além de seu impacto na função cognitiva após pesquisas

 

O consumo excessivo de açúcar, desde já, é uma preocupação crescente na sociedade, onde alimentos e bebidas açucarados são facilmente acessíveis e frequentemente consumidos. Esse padrão alimentar, sobretudo, pode impactar o peso e a saúde metabólica, mas ainda assim levantar questões sobre seus efeitos no funcionamento cerebral.

Nesse sentido, entender como esse fator afeta o cérebro é essencial para promover hábitos alimentares saudáveis que suportem a saúde física, bem como a saúde cognitiva ao longo da vida.

Como o Excesso de Açúcar Afeta a Saúde Cerebral?

spx-clinica-spx-imagem-como-o-excesso-de-acucar-afeta-a-saude-cerebral

Pessoas com altos níveis de glicose no sangue mostram tendência a um declínio na função cognitiva a longo prazo, conforme evidenciado por um estudo de 2018 conduzido pelo Imperial College London. A pesquisa, então, utilizou dados do Estudo Longitudinal Inglês do Envelhecimento (ELSA), que acompanha continuamente a saúde de uma amostra da população inglesa com 50 anos ou mais.

Publicado no periódico Diabetologia, o estudo envolveu 5.189 participantes, cuja função cognitiva foi avaliada entre 2004 e 2015. Por analogia, os cientistas monitoraram os níveis de HbA1c, conhecida como hemoglobina glicada, uma medida do controle de glicose no sangue.

Enquanto todos os participantes tenham apresentado algum nível de declínio cognitivo devido ao envelhecimento, os pesquisadores apontaram uma observação. Aqueles com maiores níveis de HbA1c experimentaram um declínio mais acentuado na capacidade cognitiva, memória e habilidades executivas.

O Impacto da Glicemia no Funcionamento do Cérebro

Alguns estudos, do mesmo modo, têm destacado a relação entre diabetes e declínio cognitivo, especialmente em condições como Alzheimer. Afinal, essa ligação é compreensível dado que o cérebro é um dos órgãos que mais demanda energia no corpo humano, e a falta dessa energia pode afetar suas funções.

Assim, as descobertas vão além de simplesmente conectar diabetes e declínio cognitivo. Pesquisas indicam que o aumento do declínio cognitivo não está restrito apenas aos diabéticos, mas está igualmente associado a níveis elevados de HbA1c em geral.

Enquanto os cientistas continuam a investigar os mecanismos envolvidos, o estudo sublinha a importância de evitar dietas ricas em açúcar, independentemente de alguém ser diabético ou não.

Doenças Associadas ao Consumo Excessivo de Açúcar

spx-clinica-spx-imagem-doencas-relacionadas-excesso-de-acucar

Sob o mesmo ponto de vista, o açúcar em excesso pode impactar diversas condições neurodegenerativas, principalmente aquelas associadas ao envelhecimento e à saúde cerebral. Algumas das principais condições incluem:

  1. Alzheimer: Estudos sugerem que dietas ricas em açúcar podem aumentar o risco de desenvolver Alzheimer, possivelmente devido ao impacto do açúcar no metabolismo cerebral e na formação de placas beta-amiloide.

  2. Parkinson: Embora a ligação direta não seja tão clara quanto com o Alzheimer, o consumo excessivo de açúcar pode estar associado a maior inflamação e estresse oxidativo, fatores que podem contribuir para a progressão do Parkinson.

  3. Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA): Alguns pesquisadores sugerem que dietas ricas em açúcar podem contribuir para o estresse oxidativo e inflamação neurodegenerativa que caracterizam a ELA.

  4. Doença de Huntington: O açúcar pode influenciar negativamente a função mitocondrial e o metabolismo energético, processos que desempenham um papel crucial na progressão da doença de Huntington.

Em síntese, essas condições neurodegenerativas são complexas e multifatoriais, com o impacto do açúcar sendo apenas um dos muitos fatores potenciais.

A Ressonância Magnética (RM) na Neuroimagem Diagnóstica

Para entender melhor como o consumo excessivo de açúcar afeta a saúde cerebral e pode contribuir para doenças neurodegenerativas, é essencial considerar a Ressonância Magnética (RM) avançada, bem como a disponível na SPX Santana de Parnaíba.

Equipada com inteligência artificial (IA) e o software Icobrain, essa tecnologia pode fornecer uma visão detalhada das estruturas cerebrais afetadas por condições como Alzheimer. A IA, então, permite uma análise mais precisa das imagens, identificando padrões sutis de degeneração que podem estar associados ao consumo prolongado de açúcar.

Como resultado, essas tecnologias permitem uma análise objetiva e detalhada das áreas afetadas, ajudando os médicos a entender melhor os mecanismos subjacentes às doenças neurodegenerativas. Logo, é possível desenvolver estratégias preventivas mais eficazes e personalizadas, orientadas para reduzir o risco e promover uma melhor qualidade de vida para os pacientes.

Ociosidade-09.02-Clinico-Geral
Clique na Imagem!
Neurologista-na-clinica-spx-imagem
Clique na Imagem!

O Auxílio de Médicos Especialistas no Controle do Açúcar e Saúde Cerebral

spx-clinica-spx-imagem-medicos-especialistas-excesso-de-acucar-afeta-a-saude-cerebral

Em primeiro lugar, o clínico geral é importante no diagnóstico inicial e no monitoramento contínuo dos níveis de açúcar no sangue, bem como na identificação de possíveis sinais de comprometimento cognitivo. Eles, ainda assim, podem solicitar exames de sangue regulares para avaliar o controle glicêmico do paciente.

O neurologista, por sua vez, utiliza exames de imagem, como a Ressonância Magnética (RM), para avaliar possíveis alterações estruturais no cérebro causadas pelo excesso de açúcar no sangue. Esses exames podem ajudar a identificar lesões ou áreas de redução de volume cerebral, que são indicadores de condições neurodegenerativas como Alzheimer.

Por último, o endocrinologista complementa esse cuidado ao tratar especificamente os distúrbios metabólicos subjacentes. Desse modo, ele ajusta a medicação e aconselha sobre mudanças no estilo de vida para controlar os níveis de açúcar no sangue, prevenindo, assim, o declínio cognitivo e outras complicações relacionadas.

Como se Preservar e Ter a Saúde Cerebral em Dia?

1. Alimentação Balanceada: Manter uma dieta rica em frutas, vegetais, proteínas magras e gorduras saudáveis é essencial para a saúde cerebral. Nutrientes como ômega-3, antioxidantes e vitaminas do complexo B ajudam a proteger o cérebro contra o envelhecimento e melhoram a função cognitiva.

2. Exercício Físico Regular: A prática regular de atividades físicas, como caminhadas, corridas, natação ou yoga, melhora a circulação sanguínea e aumenta a produção de substâncias químicas no cérebro que promovem o bem-estar e a memória.

3. Sono de Qualidade: Durante o sono, o cérebro realiza funções de reparação e consolidação de memórias. Tentar manter um horário regular para dormir e acordar, e criar um ambiente propício para o sono, são passos importantes para garantir um descanso adequado.

4. Estimulação Cognitiva: Leitura, jogos de lógica, aprendizado de novas habilidades ou hobbies podem ajudar a preservar a função cognitiva. Atividades que desafiam o cérebro estimulam a criação de novas conexões neurais e melhoram a capacidade de resolução de problemas.

5. Check-ups Regulares e Exames de Rotina: Realizar check-ups regulares e exames de rotina é crucial para a detecção precoce de problemas de saúde que podem afetar o cérebro, como diabetes, hipertensão e desequilíbrios hormonais. 

Agende Sua Consulta e Seus Exames na SPX Clínica!

Acima de tudo, reconhecer que o excesso de açúcar afeta a saúde cerebral é fundamental para prevenir condições neurodegenerativas e preservar a função cognitiva ao longo da vida. Priorizar uma alimentação equilibrada e reduzir o consumo de açúcar são passos essenciais, porém, deve-se manter um acompanhamento médico regular

Assim, a SPX Clínica Santana de Parnaíba (Consulta, Exames e Vacinas), e a SPX Taubaté e SPX Joinville (somente exames de imagens), podem te ajudar com cuidados abrangentes e necessários para sua saúde e bem-estar!

Faça Seu Agendamento Clicando Aqui!

Últimas Notícias:

1