O que as pessoas que vivem com HIV precisam saber sobre o COVID-19?

Ainda não existe nenhum estudo que comprove que pessoas com HIV possam ter maior facilidade de contrair o COVID-19, mas isso não significa que os cuidados não devam ser redobrados nesses casos. 

Em geral a população que vive com HIV e que possuem doenças pulmonares ou cardíacas podem ter complicações mais sérias e sofrer de sintomas mais graves. Por isso, a prevenção sempre é a melhor opção para evitar a contaminação com o coronavírus. 

  • Fique seguro

Se possível realize o isolamento voluntário, se não, siga todas as recomendações do Ministério da Saúde, como:

  • Lavar as mãos ou desinfetá-las com álcool em gel;
  • Evite contato próximo com outras pessoas;
  • Se estiver doente utilize máscara médica e se mantenha em quarentena;
  • Se sentir sintomas mais graves procure atendimento médico. 
  • Esteja preparado 

Por fazer uso de medicamentos controlados, é necessário estar atento a quantidade de suprimentos médicos necessários, por isso, se programar é essencial. O ideal é que você tenha medicamentos disponíveis por 30 dias ou mais. 

  • Apoie-se e apoie pessoas da sua comunidade

O surto de coronavírus pode mexer com a saúde mental de muitas pessoas, por isso, nesses momentos é muito importante cuidar de nossos hábitos. Por isso, leia informações apenas de fontes confiáveis, coma de forma saudável, se conecte com outras pessoas através dos meios de comunicação possíveis no momento e reserve um tempo para relaxar. 

Fechar Menu

Médico Online

Orientação médica a distância para suspeita de Coronavírus (COVID-19) por vídeo chamada.
Agenda disponível para o mesmo dia. Seja atendido o quanto antes.