Santana de Paraíba
11 | 2450-6000

Taubaté
12 | 3608-2770

Joinvile
47 | 3033-2200

Serviços >> 11 99573-8049

Santana de Paraíba
11 | 97547-2578

Taubaté
12 | 99794-8410

Joinville
47 | 99234-6918

Dor nas costas pode afetar pessoas de qualquer idade, por diferentes razões. À medida que as pessoas envelhecem, a chance de desenvolver dor lombar aumenta, devido a fatores como ocupação prévia ou doenças degenerativas do disco. A dor lombar pode estar ligada à coluna lombar óssea, discos entre as vértebras, ligamentos ao redor da coluna vertebral e discos, medula espinhal e nervos, músculos lombares, órgãos internos abdominais e pélvicos e a pele ao redor da região lombar. Dor na parte superior das costas pode ser devido a distúrbios da aorta, tumores no peito e coluna

Existem muitos mitos sobre o que provoca a dor nas costas e como lidar com ela. Esses mitos, por sua vez, geram medos infundados. Por exemplo, o medo de nos movimentarmos quando sentimos dor. O problema, explicam os fisioterapeutas, é que não se mexer pode levar à piora no estado do paciente.

dor nas costas o que pode ser

Se me mexer, minha dor nas costas vai piorar ?

No passado, acreditava-se que a cura para dor nas costas exigia repouso absoluto. No entanto, já foi comprovado que a imobilidade não resolve o problema. E retomar os movimentos assim que possível é melhor para a recuperação do paciente do que ficar na cama.

Devo evitar fazer exercícios?

especialmente treinamento com peso’ Entre especialistas, há um consenso de que a melhor forma de se tratar a dor lombar aguda e crônica é o exercício. Estudos sobre o assunto revelaram grandes benefícios e a segurança, a longo prazo, de vários tipos de exercícios, incluindo o treinamento com pesos.

Um exame de imagem vai mostrar exatamente o que está errado?

Um grande número de estudos concluiu que resultados de exames de imagem ? como raios-X, por exemplo ? refletem adequadamente os sintomas de pessoas com dores lombares.

Os fisioterapeutas dizem, portanto, que os exames são essenciais para explicar com exatidão por que alguém está sentindo dor.

Dor é sinônimo de lesão?

A vivência da dor raramente é proporcional à severidade da lesão, explicam os especialistas. A dor é mais complexa do que isso. O nível de dor reflete, na verdade, a percepção subjetiva de um indivíduo a respeito de quão ameaçado ele está.

Dor nas costas geralmente decorre de tensão, tensão ou lesão. Causas freqüentes de dor nas costas são: músculos tensos ou ligamentos um espasmo muscular tensão muscular discos danificados lesões, fraturas ou quedas Atividades que podem levar a tensões ou espasmos incluem: levantando algo indevidamente levantando algo que é muito pesado fazendo um movimento abrupto e desajeitado

 

dor nas costas na gravidez

Dores nas costas por problemas de coluna

O que se sente: No caso da artrose a dor nas costas costuma ser perto do pescoço ou no final das costas, sendo mais centralizada, embora também possa afetar a barriga.

O que fazer: Ir ao ortopedista para fazer um Raio X da coluna a fim de identificar a possível alteração e iniciar o tratamento que pode ser feito com uso de analgésicos, anti-inflamatórios ou fisioterapia para melhorar a postura, combater os sintomas e evitar o agravamento com o surgimento da hérnia de disco ou bico de papagaio, por exemplo.

Dor nas costas do lado direito ou esquerdo

O que se sente: Na crise renal é comum a pessoa sentir intensa dor nas costas, no final da coluna mais para o lado direito ou esquerdo, mas em alguns casos também pode irradiar para a região abdominal. A inflamação dos rins, bexiga ou ureteres, que causam infeção urinária também pode causar dor no pé da barriga.

O que fazer: Deve ir ao pronto socorro, porque a cólica renal é muito forte e pode ser preciso tomar remédios ou até mesmo fazer cirurgia para remover a pedra.

Assinale os sintomas que apresenta e saiba se pode ter pedra nos rins:

Dor nas costas e na barriga

As doenças intestinais, como no caso da Síndrome do Intestino Irritável, geralmente causam dor no abdômen mas estas também podem irradiar para as costas, sendo mais difusa.

O que se sente: Podem surgir sintomas como dor abdominal com sensação de ardência, em pontadas ou cólicas. Também podem surgir desconforto no pé da barriga, fezes moles ou muito duras e barriga inchada.

O que fazer: Deve observar seus hábitos intestinais a fim de identificar se pode ser prisão de ventre, gases ou diarreia. Uma consulta com um gastroenterologista pode ser útil para identificar outros sintomas, fazer exames para chegar ao diagnóstico e iniciar o tratamento. No caso de intolerância ao glúten, por exemplo, é preciso retirar o glúten da alimentação, mas um nutricionista poderá indicar as mudanças necessária para cada alteração intestinal. Veja como é a Dieta para Síndrome do Intestino Irritável.

Dor nas costas na gravidez

A dor nas costas que irradia para o abdômen no início da gravidez pode acontecer quando há uma neuralgia intercostal devido ao estiramento do nervo por causa do crescimento da barriga No entanto outra causa comum são as contrações uterinas.

O que sente: A dor causada pela neuralgia intercostal pode ser em forma de pontada e geralmente é perto das costelas, mas a dor nas costas irradia para o fundo da barriga pode ser sinal de contrações uterinas, como acontece no trabalho de parto.

O que fazer: Colocar uma compressa morna no local da dor e fazer um alongamento, inclinando o corpo para o lado oposto da dor pode ser uma boa ajuda para aliviar a dor. O obstetra pode indicar ainda a toma do complexo de vitamina B, já que esta vitamina ajuda na recuperação dos nervos periféricos. Se há suspeita de trabalho de parto deve ir ao hospital.

Dores nas costas por movimento e postura.

Dor nas costas também pode resultar de algumas atividades cotidianas ou má postura. Exemplos incluem: Exemplo de má postura ao usar um computador A adoção de uma posição sentada muito curvada ao usar computadores pode resultar em aumento dos problemas nas costas e no ombro ao longo do tempo. torcendo tossir ou espirrar tensão muscular alongamento excessivo flexionar desajeitadamente ou por longos períodos empurrando, puxando, levantando ou carregando algo de pé ou sentado por longos períodos forçando o pescoço para a frente, como ao dirigir ou usar um computador longas sessões de condução sem intervalo, mesmo quando não encurvadas dormir em um colchão que não suporta o corpo e manter a coluna reta

Dores nas costas e outras possíveis causas.

Uma série de problemas estruturais também pode resultar em dores nas costas.

  • Discos rompidos: Cada vértebra na coluna é protegida por discos. Se o disco se romper, haverá mais pressão sobre um nervo, resultando em dor nas costas.
  • Discos salientes: da mesma maneira que os discos rompidos, um disco protuberante pode resultar em mais pressão sobre um nervo.
  • Ciática: uma dor aguda e aguda percorre as nádegas e a parte posterior da perna, causada por um abaulamento ou hérnia de disco pressionando um nervo.
  • Artrite: A osteoartrite pode causar problemas nas articulações dos quadris, região lombar e outros locais. Em alguns casos, o espaço ao redor da medula espinhal se estreita. Isso é conhecido como estenose espinhal.
  • Curvatura anormal da coluna: Se a espinha se curva de uma maneira incomum, pode ocorrer dor nas costas. Um exemplo é a escoliose, na qual a coluna se curva para o lado.
  • Osteoporose: Ossos, incluindo as vértebras da coluna vertebral, tornam-se frágeis e porosos, tornando as fraturas por compressão mais prováveis.
  • Problemas renais: pedras nos rins ou infecção renal podem causar dores nas costas.

Dores nas costas e possíveis diagnósticos.

Um médico geralmente será capaz de diagnosticar a dor nas costas depois de perguntar sobre os sintomas e realizar um exame físico.

Uma varredura de imagem e outros testes podem ser necessários se:

 

  1. A dor nas costas parece resultar de uma lesão
  2. pode haver uma causa subjacente que precisa de tratamento
  3. a dor persiste por um longo período

 

Uma radiografia, ressonância magnética ou tomografia computadorizada pode fornecer informações sobre o estado dos tecidos moles nas costas.

 

  1. As radiografias podem mostrar o alinhamento dos ossos e detectar sinais de artrite ou ossos quebrados, mas podem não revelar danos nos músculos, na medula espinhal, nos nervos ou nos discos.
  2. A ressonância magnética ou a tomografia computadorizada podem revelar discos ou problemas de hérnia de tecido, tendões, nervos, ligamentos, vasos sangüíneos, músculos e ossos.
  3. As varreduras ósseas podem detectar tumores ósseos ou fraturas por compressão causadas pela osteoporose. Uma substância radioativa ou traçador é injetado em uma veia.
  4. Cintilografia nos ossos e ajuda o médico a detectar problemas ósseos com a ajuda de uma câmera especial.
  5. Eletromiografia ou EMG mede os impulsos elétricos produzidos pelos nervos em resposta aos músculos. Isso pode confirmar a compressão do nervo, que pode ocorrer com uma hérnia de disco ou estenose espinhal.

 

O médico também pode solicitar um exame de sangue se houver suspeita de infecção.

Agende um exame na SPX Clínica. disponíveis em Santana de Parnaíba, Joinville e Taubaté

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *